sexta-feira, 21 de abril de 2017

ILUSTRADOR DE PALAVRAS...

 *

Em cada momento somos sim, em cada imagem , em cada click, em cada pormenor encontramos ali naquele fundo da rua ou de um espaço pequeno ou mesmo a nossa frente ilustramos e personalizamos cada essência cada olhar , fragância um suspiro leve de um vento morno naquele inicio de tarde , entre risos leves e palavras soltas ilustramos aqui o que une , só nós sabemos só nos escrevemos um livro sobre um e outro, o meu eu, a minha essência de vida e de liberdade ser eu ali naquele rosto, naquele sorriso num olhar somente vislumbrada com esse olhar...magnifico mesmo, saber que percorri um longo caminho para chegar até aqui, a esta liberdade sem fim a vista, um cheiro a vida um toque do ar sobre mim-, a adrenalina a percorrer cada canto da minha vida , limpei a mente libertei por fim os fantasmas aqueles que percorriam a minha volta como não me deixasse viver ser eu só eu...
" Pega na maquina e sobe, não tenhas problemas em sujar, poes os pes e sobe , liberta te !"

Senti essa vontade de por em cima do carro e sentir aquele ar a sugar me por completo , a maquina na mão e uma outra levantada a sentir o vento m aquele cheiro de fim de tarde no meio daquela floresta densa, a estrada de curvas e curvas seguimentos de linhas brancas, o som e aquela musica saída de uma melodia leve , em que tudo o que gira a nossa volta ganha vida, sugamos de prazer, eu sei que fui louca, a mão segurava a minha motivação o dedo não parava de clicar tudo a minha volta fez sentido, surgiu em mim algo que nunca tal vivido, fui eu aquela morena , senti que tudo a volta fez sentido, pedra a pedra fui subindo devagar mas não importa temos tanto tempo, e encontrei te, olhei te , mesmo a guiar olhas me e sorris , e olhei te e agradeci por teres dado a mão , ter me segurado forte sem nunca me deixares desamparada , lutaste, foste mais longe ainda , vale a pena tu vales a pena, entramos numa estrada de seguimento reto, aqui não há desvios ...palavras meu belo ilustrador , é isto mesmo, em tudo o que dizemos por aqui e por ali, são ilustrações, aqui tudo faz sentido.
Sou louca sim sou ! Mas sou livre.

Momentos nossos e únicos



quarta-feira, 19 de abril de 2017

LET´S GO....



Eu ando por ai e por aqui, neste vai e vem de emoções, sensações, descobertas e aventuras complementadas com a união e companheirismo , a adrenalina como me levas para longe da nossa rotina e para bem longe de olhares reprovadores, mas sabes, sabemos ambos que esses olhares são somente de culpa!!! por não saberem entrar nesta aventura nesta viagem só nossa. Como já nos disseram ...

" Casal bacano"

Pois é verdade! somos não somos? temos aquela chama aquele brilho que tantos outros comuns mortais não tem... O carisma ... sabemos que temos a nossa volta somos o brilho o sol que ilumina outros olhos e outros seres por ai.
Talvez somos diferentes, talvez sejamos únicos , mas somos homem e mulher que só querem algo uma finalidade de viver e de ser feliz, englobarmos este amor a tudo o que temos em nós, a paixão , loucura , sede de nos beber cada gota nossa como uma fonte da vida fosse.
Perfeita harmonia complementada pela perfeita palavra " compromisso"



quinta-feira, 6 de abril de 2017

MELODIA DO PRAZER...


Nesta noite amena de Primavera , onde o calor noturno invade cada espaço do meu refugio, já me vi em vários pontos em vários momentos ali naquela janela de cigarro na mao em conversa tive a sensação que estávamos no mesmo momento universal, em palavras soube que vinhas ate mim, em partes e metades iguais, o meu eu junto ao teu e o teu no meu , somos um só, ninguem entende o que se passa ao nosso redor , é único conseguimos em distancia carnal e sermos invadidos e penetrados por um corpo não presente , falta o tacto , o cheiro , mas sem que tudo será transporto ate mim , através do teu corpo presente ao meu.
O teu beijo , os teus lábios a forma como as tuas mãos me pegam , senti te num beijo molhado e penetrante , onde a tua língua foi um transpor de tremores e arrepios na pele, a forma como chamas " mor anda", lutei contra a tua voz, a tua mão, a tentação de tudo , senti que deveria ir ao teu encontro mais uma vez , lá esta a nossa outra viagem cósmica e universal sem barreiras e sem muros, sem sons e barulhos sem olhares reprovadores , somos um só!
Fechei aquela janela e dei te a mao, de pé estávamos um de frente ao outro, os teus olhos juntos aos meus, os teus lábios tocavam de leve, essa língua que não para e não dá descanso a mim, somos novamente um só, o calor do teu corpo não presente ao meu , não sei explicar como ! mas estavas dentro de mim, toda a sensação foi única e absorvente , a forma como tocas de leve dando voltas e voltas a pele , a forma como subitamente tipo animal feroz devorador de carne , tocas me com força meu pescoço é na tua mao que dá uso , beijando com toda aquela forca máscula , os olhos estão fechados e somos aquele pedaço de pedaços a juntar se novamente, peça a peça estamos estamos novamente numa outra viagem nossa, não sei como fazemos tudo isto através de sensações não presentes, só a sensação que cada toque na pele o arrepio sai de leve do meu corpo, dei conta que o todo o meu corpo tinha a tua fragância corporal e senti me usada e penetrada , ainda estas aqui, revejo a sensação que algo esta errado mas porque errado? Sou bem , fui ate ti , sabes aquele momento em que tu consegues por me fora de mim vezes sem conta e dou conta que cada orgasmo vai melhorando, em cada investida tua desse corpo não presente, sabes ? disse eu ... estou húmida e molhada! - estou ctg !
Olhei as palavras e disse e afirmei ... pois é verdade! onde fomos ? - Ser feliz!
Sorri e disse , vamos ?

Todos os dias... Momentos nossos ...

sábado, 25 de março de 2017

COVER ME....


Estou aqui eu deleitada nesta minha visão perfeita de uma noite de sexta feira , frio esta lá fora aqui eu estou somente eu no meu calor corporal e onde eu entrego me neste meu mundo , hoje não ! o ar esta tão frio mas a tua presença continua a aquecer me, seja de maneira for basta um reaparecimento que tudo o meu vai até mais além do que é permitido pela lei e regra imposta por mim.
Por momentos fui até onde quero ir , os teus olhos, a tua pele até o teu receio em me beijar , o ar onde tantas vezes respiramos tornou me irrespirável por momentos nesta noite onde já vai longa, a tua voz quando entrava tantas as vezes por mim adentro apesar de muitas das palavras serem somente ditas fossem penetradas pelo teu corpo, a tua pele suada junto a minha fazendo tornar a noite mais quente, a sede era intensa e onde eu com a minha boca meus lábios bebia de uma gora de suor ali junto ao teu peito.
Proteção , palavra do dia tudo isto para resumir a uma simples palavra tão simples e tão fácil de lutar ...
Saudade!
E porque ainda anda aqui este sentimento , a ausência marcou uma linha marcada , onde estou a viver uma nova fase do meu eu! onde soltei alguém soube soltar esta menina , renasci, mas hoje !
O ar continua tão frio , a distancia e o silencio fizeram este clima ,não queria lutei para que isso não acontece mas nem todas as armas que tenho serve para tudo o que pretendo , não tenho armas suficientes, já estou a lutar todos os dias contra as marés , onde encontrei um ponto de abrigo, e apesar de tudo , a tua presença anda aqui, basta olhar a minha volta , basta sentir este ronronar ao meu lado para saber e sentir que estas aqui... não devia , e num espaço de 1 mês uma lagrima cai do meu rosto.
Deleitada sobre a minha cama irei continuar dentro desta visão , não sei como será o dia de amanha , mas o de hoje foi diferente, parece que te ouço , sinto a minha mão a percorrer a tua fase delineando os contornos do teu rosto, dos teus lábios , visualizando os movimentos da tua fase, as fugas de olhar, as rugas de expressão quando sorris , faz renascer as rugas da testa bem alinhadas... o dia de hoje!

Há noites perfeitas , apesar de tudo !

Divagações por ai



sexta-feira, 24 de março de 2017

DREAM ON...


Vamos sonhando , vamos eclodido , unir através daquela dimensão surreal, quando há esse toque de pele sobre a minha basta um sopro no ouvido sinto aquela sensação electrificante que faz de um pedaço pequeno de pele ficar num modo de pele arrepiada, uma sensação que entra dentro de mim aumentado cada investida ao pormenor sobre a minha pessoa, já tantas vezes pensei em tantos disparates, que nem nas palavras consigo desprender , mas sinto aquela sensação que eu e tu já fomos algo perdido num outro mundo, outra dimensão diferente mas bastou algo simples para voltar a unir nos desta forma irreal , sem palavras para escrever , so sentindo , entrando devagar naquela sensação , cada pormenor é contado , cada nervo vaginal é centrado até ao minúsculo pormenor, aumentado a cada segundo a vontade de tomar e ser alimentado, a sensualidade do corpo , do calor e do olhar , as expressões faciais estão centrada em dar prazer , em eu ser o seu centro das atenções, nua, despedida de corpo  e de alma, sou levado através da dança da tua língua , dos teus lábios sobre os meus, o teu cheiro , a tua pele, o calor do teu corpo dentro do meu, o único objetivo sou eu , eu sou mulher e devo intensificar mais as minhas reações e emoções, ate tu chamares por mim , elevando me até ti , o ato de prazer é composta por únicas sensações  e cada um tem o seu nível, aos poucos eu vou entregando como uma escrava do amor, do teu vicio de ti, do teu lado viril e animalesco como o oposto, meigo e carinhoso, atencioso, e quando ambos se juntam é um tal culminar de liberdade total, olhando e vendo como tudo é possível seres a pessoa que provoca em mim extensões prolongadas emoções  de  orgasmo físico, tentando controlar cada peça minha , tento e tento juntar mas esse lado não deixa me ir , queres me liberta de medos e receios e entrega te a todos estes momentos fotográficos , sem explicação olhamos nos e voltamos a sentir tudo novamente aquela pelicula ali perdida , somos nós ! vamos lá buscar e fazer a nossa curta metragem de boas imagens.
Para no final sermos um só e único .

Momentos nossos 

quarta-feira, 22 de março de 2017

EQUILIBRIO....


Ando aqui há um tempo a construir a minha muralha , sendo eu ! vivendo e ir atras da minha felicidade.. afinal o que é mesmo a felicidade ?
Outro dia alguém questionou sobre esta maravilhosa palavra...
FELICIDADE
Tão fácil , não se procura quando tudo tiver equilibrado ira até ti , sem dares conta, sem aperceberes esta ali na tua mão, no ar que respiras, no toque das coisas seja tecido, areia, agua, até a velocidade de uma mota ou de um carro desde que sintas a bater na tua face , sentir os aromas que percorres e vai te identificando com cheiros, sejam do mar, das pipocas ou do mais simples batatas fritas. Os sorrisos dos filhos , um simples gosto de ti!
Abraços e aquelas pessoas que sabes que estão ali seja em todos os modos que estejam ligados ou desligados, e tu, o meu renascer, o sorriso na face, o brilho da pele, o aprender a ser libertina , liberdade palavra de ordem, Viver , esgotar todas as forças e aprender a sorrir, como digo para mim o dia tem 24 horas e eu aproveito 21 horas porque sou assim, enquanto uns dormem eu vivo e quero saborear tudo a minha volta para  no fim dizer " E isso mesmo, tudo tão fácil, até estas palavras me dão conforto e felicidade! não fosse os meus olhos e o meu rosto cheio de sinais evidentes.
São estas pequenas sensações que te vão transmitindo felicidade.

Divagações por ai!!!


terça-feira, 21 de março de 2017

MAD ABOUT YOU....


Maldição não!
O longo caminho que se percorreu pela estrada de alcatrão liso sem o mínimo deslize e desfeito, tudo ali foi se construindo pedra a pedra e nunca desistimos de nada!
Contra tudo e todos estamos aqui de pé ante pé juntos numa união sem precedentes de qualquer explicação que seja plausível para eu entender o que se passa por aqui!
Um simples olhar desse olhar de malandro , sim não te fazes de cego , surdo e mudo, como disse tens duas faces nesse rosto de menino e homem.
Esse cheiro que tens e o sabor de loucura com a mistura doce e suave deixas qualquer ar que se respira com pouco oxigénio.
Quando puxas até ti , seguras mão e depois a outra e envolves me nesse peito e nesse braço forte de homem, sou evaporada , sugada , devorada e sem qualquer recção ao controlo corporal, pior de tudo a mente entrega se, deixo de saber e sentir onde ando e por onde caminho... quero la saber leva me até onde levas vezes sem conta nesse  mundo cósmico , onde nossos corpos levitam naquela bruma silenciosa onde somente os sons que emitimos de prazer é o que se ecoa naquele silencio, os nossos olhos fechados fisicamente abrem numa outra dimensão onde olhamos e devoramos almas ...sim as nossas !
Esse beijo, esses beijos demoradamente, que beijam os meus, é um prazer os lábios quando por fim se encontram , longe tiveram mas agora por fim estão juntos dentro de uma paixão louca, podíamos estar 1 minuto mas sinto que estamos horas e horas colados!
Por fim não bastava todos os elementos em acção quando pões as mãos numa dança sensual, descendo e subindo o teu corpo dança ao som e a vibração das mãos, dando me tremores e arrepios onde esta pela suave é eletrificada , cede a tudo que envolva a tua pele quente , essas mãos duras mas suaves entram por mim adentro , nem sei p que fazer mas o melhor é deixar ir e vir , o que interessa o ruido que se possa manifestar , só queremos nós os dois!

Momentos meu e teu!